19.6.10

Elis Regina

Zé do Caixão

Dia do Cinema Brasileiro

O dia 19 de junho tornou-se o dia de comemoração pelo renascimento do cinema brasileiro, por este ter passado a apresentar, nos últimos anos, produções de maior qualidade.

O surgimento do cinema se deu a partir da ideia do homem em dar vida às imagens. O belga Plateau criou o Phénakistiscope (1832), em seguida, o inglês Horner criou o Zootrope (1834), aparelhos que davam movimentos aos desenhos. Mas os primeiros desenhos animados surgiram criados pelo francês Èmile Reynaud, através de um aparelho de nome praxinoscópio.

Em 1880 tivemos os primeiros aperfeiçoamentos nas películas de celuloide, possibilitando que se chegassem aos filmes.

Somente em 1890 que um americano inventou o Kinescópio e o apresentou numa feira internacional em Chicago. O aparelho era uma caixa contendo uma lupa, por onde o público via as imagens ampliadas, assim surgiram os primeiros curtas-metragens.

Porém, os irmãos Lumière foram os criadores oficiais do cinema, em 1895. Aproveitando aparelhos de outros inventores, fizeram a reprodução através do cinematógrafo, um aparelho de projeção, conseguindo realizar a primeira sessão de cinema em Paris.

No dia 08 de julho de 1896, aconteceu no Rio de Janeiro a primeira projeção pública dos irmãos Lumière, pelo omniógrapho, o sucesso da mesma fez com que o empresário Pascoal Segreto inaugurasse a primeira sala do Brasil.

O cinema brasileiro nasceu quando Afonso Segreto chegou à Baía de Guanabara e registrou as imagens do local. A partir daí os irmãos Segreto registraram os principais acontecimentos cívicos e festivos do país, através de uma câmera Lumière, ficando como os únicos produtores brasileiros até 1903.

Aos poucos as imagens foram sendo feitas em outras regiões do Brasil, como em São Paulo, e o cinema nacional tomando suas primeiras dimensões, e passou a projetar os primeiros documentários.

A primeira companhia de cinema brasileira foi fundada somente em 29 de janeiro de 1911, distribuindo salas de cinema por todo o país, além de reproduzir fitas do cinema estrangeiro. Com isso, atores brasileiros ficaram desempregados e o cinema nacional perdeu espaço, entrando em decadência. A hegemonia do cinema americano que se destacou como o melhor do mundo.

Somente nos anos trinta, época da Primeira Guerra Mundial, Adhemar Gonzaga instalou o primeiro estúdio de cinema no Rio de Janeiro, a Cinédia. A partir daí, iniciou-se as produções dos dramas e comédias musicais brasileiras.

As chanchadas surgiram no ano de 1941, através da produtora Atlântica, tendo Carlos Manga como um dos principais cineastas. Depois o estúdio Vera Cruz revelou o filme de Lima Barreto, que acabou premiado no Festival de Cannes, “O Cangaceiro”.

Dentre os principais, tivemos Mazzaropi, que montou sua produtora em 1963, projetando filmes de um caipira muito engraçado; Glauber Rocha aparece com o filme “Deus e o Diabo na Terra do Sol” e o filme “Macunaíma”, de Joaquim Pedro de Andrade.

O governo brasileiro criou a Embrafilmes, empresa que financiava recursos para a produção do cinema nacional, mas em vinte anos de existência a mesma passou por sérias dificuldades financeiras, deixando de cumprir com seu propósito. Somente em 1993 foi que a nova lei de audiovisual trouxe novas expectativas para o cinema do Brasil.

Diretores como Carla Camuratti, Murilo Salles e Fábio Barreto ficaram internacionalmente conhecidos e a partir daí tivemos várias produções que, inclusive, receberam indicações para o Oscar, maior premiação cinematográfica do mundo.

O cinema brasileiro cresceu muito e tornou-se mundialmente conhecido e respeitado, com as produções “Cidade de Deus”, “Bicho de Sete Cabeças”, “Lisbela e o Prisioneiro”, “O Homem que Copiava”, dentre outros.

Por Jussara de Barros
Graduada em Pedagogia
Equipe Brasil Escola

18.6.10

Dia da Imigração Japonesa

O presidente Luiz Inácio Lula da Silva sancionou a Lei nº 11.142 que define 18 de junho como o Dia Nacional da Imigração Japonesa. A lei está publicada no Diário Oficial da União de hoje. A data marca a chegada, em 1908, do primeiro navio com imigrantes japoneses ao Porto de Santos, o Kasato-Maru.

A embarcação trazia 781 japoneses em busca de trabalho nas fazendas de café do estado de São Paulo. Depois, os imigrantes se espalharam por outros estados como Paraná, Rio Grande do Sul e Pará. O Kasato-Maru partiu do porto japonês de Kobê e a viagem durou 52 dias.

O projeto para a instituição da data foi proposto pelo deputado federal Hidezaku Takayama (PSB-PR). O parlamentar justificou a homenagem com base na influência da comunidade japonesa na agricultura, indústria, culinária e na cultura brasileira.

"Nada mais justo, portanto, que celebrar a presença Japonesa no Brasil, com a instituição de uma data nacional que reverencie a memória das ondas migratórias do Japão - suas vicissitudes e glórias, e também suas admiráveis marcas, podemos dizer, em todos nós - na nossa terra e no nosso povo, seja na formação étnica, seja na multiplicidade de nobres influências políticas, econômicas, sociais, desportivas e culturais", diz um trecho do projeto. 26/07/2005

16.6.10

Maracanã 60 anos


15.06.2010 Maracanã comemora 60 anos

Maracanã

Introdução

O Estádio do Maracanã que tem como nome oficial Estádio Jornalista Mário Filho, é um estádio de futebol localizado no Rio de Janeiro e inaugurado em 1950, sendo utilizado na Copa do Mundo daquele ano. Desde então o Maracanã foi palco de grandes momentos do futebol brasileiro e mundial, como o milésimo gol de Pelé, finais do Campeonato Brasileiro de Futebol, competições internacionais e partidas da Seleção Brasileira de Futebol. Porém, este estádio foi ganhando também um caráter multiusos ao receber outros eventos como shows e partidas de outros esportes, como o Vôlei. É um dos locais de competição dos Jogos Pan-Americanos de 2007, recebendo o futebol, e as cerimônias de abertura e encerramento. A capacidade atual do estádio é de 95.000 espectadores. [1]
História
Pan 2007
Pan 2007

Sua construção foi muito criticada na época, pois era considerada uma obra faraônica e impossível de ser realizada. Mas o prefeito da cidade, General Ângelo Mendes de Morais, apoiado pelo jornalista Mário Rodrigues Filho conseguiu levar o projeto para frente. Seu primeiro jogo um amistoso entre seleções do Rio de Janeiro e São Paulo no dia 16 de junho de 1950. Didi foi o primeiro autor de um gol no estádio. [2]

O primeiro jogo oficial ocorreu em 24 de junho de 1950 pela Copa do Mundo. Vitória do Brasil sobre o México por 4 a 0, gols de Ademir Menezes (2), Baltazar e Jair Rosa Pinto; com arbitragem do inglês George Reader. [3]

Popularmente se diz que na final da Copa do Mundo de 1950 havia um público de mais de 200.000 pessoas. Porém o público oficial registrado naquele dia foi de 173.850 pagantes, não constituindo o recorde de público pagante da história do Maracanã. O maior público oficial do Maracanã é de 183.341 pagantes, registrado em 31 de agosto de 1969, no jogo válido pelas Eliminatórias da Copa do Mundo de 1970, disputado entre o Brasil e o Paraguai, cujo resultado final foi de 1x0 para os brasileiros.[4].

O Maracanã teve como seu maior artilheiro o jogador do Flamengo Artur Antunes Coimbra, o Zico. Ele marcou 333 gols nas 435 partidas que disputou no estádio. Já Pelé é o jogador que mais marcou gols no Maracanã com a camisa da Seleção Brasileira: 30 gols em 22 partidas.

Depois de uma ampla reforma ocorrida em 1999, o estádio teve sua capacidade reduzida para 103.022 pessoas, pois foram instalados assentos individuais no anel superior. O Maracanã ficou fechado entre abril de 2005 e janeiro de 2006 para obras (rebaixamento do nível do campo) e colocação de cadeiras, no lugar da antiga Geral. Em 2007 ocorreu a construção de novas rampas de acesso para as cadeiras e arquibancadas. Nesse mesmo ano, foi palco do futebol e das cerimônias de abertura e encerramento dos Jogos Pan-Americanos de 2007 no Rio de Janeiro. Pretende ser a sede da final da Copa do Mundo de 2014, no Brasil. [5].
Curiosidades
Antiga fachada do estádio.
Antiga fachada do estádio.

* O nome Maracanã vem de um tipo de papagaio conhecido na Região Norte do Brasil como Maracanã-guaçu. A referência com o estádio é devido ao rio Maracanã que cruzava a Tijuca e São Cristóvão, desaguando nas águas da Baía de Guanabara. Hoje este rio encontra-se canalizado parcialmente subterraneamente.
* O nome oficial do estádio, Mário Filho, foi dado em homenagem ao falecido jornalista carioca, irmão de Nelson Rodrigues, que se destacou no apoio à construção do Maracanã.
* A maior goleada da história do Maracanã foi Flamengo 12 a 2 São Cristóvão, pelo Campeonato Carioca de 1956 e a segunda maior, Jamaica 1x11 Canadá pelo torneio de futebol feminino dos Jogos Pan-americanos de 2007.
* O Maracanã foi palco do milésimo gol da carreira de Pelé (Vasco 1 a 2 Santos), em 19 de novembro de 1969) e também da despedida do Rei do Futebol da Seleção Brasileira (Brasil 2 x 2 Iugoslávia, em 18 de julho de 1971).
* A partida final da Copa do Mundo de 1950, em que o Seleção Brasileira de Futebol foi derrotada pelo Uruguai é conhecida até hoje no Brasil como "Maracanaço", pelo fato de ter ocorrido no Maracanã.
* O maior público-visitante de uma equipe de fora da cidade do Rio de Janeiro foi registrado na semifinal do Campeonato Brasileiro de 1976 entre Fluminense e Corinthians. Cerca de 40 mil torcedores do Corinthians e das outras torcidas cariocas rivais do Fluminense estiveram no Maracanã torcendo pela equipe paulista, entre os 146.043 pagantes, assim como outros milhares de torcedores não pagantes que estiveram no Maracanã.
* Públicos acima de 100.000 pessoas, comuns nesse estádio, foram se tornando raros desde 1993, quando o estádio começou a passar por diversas reformas para modernização. A última grande assistência recebida foi na partida Botafogo 0x0 Juventude, que deu o título da Copa do Brasil de 1999 ao time gaúcho e teve público presente de 101.581 pessoas[6]
* Devido a sua magnitude e a sua carga histórica de grandes acontecimentos (como a ocorrência do milésimo gol de Pelé ou do famoso Maracanaço), o Maracanã recebeu o apelido de "Templo do Futebol".
* O jornalista Mário Rodrigues Filho era torcedor do Flamengo.


Fonte:www.flamengo.com.br

Maracanã

15.6.10

Museo Paleontologia Guadalajara

Dia do Paleontólogo

15 de Junho -
O paleontólogo é o profissional que estuda as espécies de vida que já existiram no planeta, a partir de seus fósseis. Quem nunca se interessou pela história dos dinossauros, ou dos nossos ancestrais humanos? Ou nunca se perguntou como se forma um fóssil, como se determina sua idade, em que região teria vivido? E sobre as diversas teorias da evolução? Estas e outras perguntas você pode fazer a um paleontólogo, porque o assunto é com ele mesmo. Ou, melhor ainda: pode decidir se tornar um! Então, passará a pesquisar, descobrir, confrontar idéias, questionar, propor novas teorias...

Os fósseis são muito importantes para o estudo da morfologia dos seres antigos e da geologia do planeta, ajudando na datação de rochas, pesquisando sobre mudanças no clima e sobre movimento dos continentes e desvendando problemas biológicos relativos à evolução, origem e extinção da vida. Além disto, os fósseis podem ser ótimos sinalizadores para encontrar petróleo, gás natural e outras riquezas. Geralmente, os paleontólogos procuram fósseis em penhascos marinhos, pedreiras, rochas expostas e grutas.

No Brasil, para ser paleontólogo é preciso ter feito uma faculdade de Biologia ou Geologia, para só depois fazer uma especialização (pós-graduação) em Paleontologia. Como se vê, o curso é fruto da interação de várias disciplinas.

14.6.10

Dia Mundial do Doador de Sangue

OMS prioriza jovens no Dia Mundial do Doador de Sangue
14/06/2010

Agência da ONU ressalta importância da doação por representantes da nova geração; recrutamento de jovens melhora o abastecimento e a segurança a longo prazo e promove estilos de vida saudáveis e seguros.

Foto:OMS

Foto:OMS

Daniela Traldi, da Rádio ONU em Nova York.

'Sangue Novo para o Mundo'. Esse é o slogan da campanha global deste ano da Organização Mundial da Saúde, OMS, pelo incentivo à doação de sangue.

E no Dia Mundial do Doador, celebrado nesta segunda-feira, a agência da ONU quer estimular os jovens a participarem de eventos e atividades em vários países.

Nova Geração

A OMS afirma que o recrutamento da nova geração melhora o abastecimento e a segurança a longo prazo e promove estilos de vida saudáveis e seguros.

O diretor técnico científico da Fundação Pró-Sangue, doutor Alfredo Mendrone Junior, lembra que não existe outra fonte de obtenção de sangue além da doação. Ele falou à Rádio ONU, de São Paulo, sobre a importância da participação de voluntários para salvar pacientes.

"Se o doador não comparecer para doação de sangue nos vários postos no mundo nós não teremos como transfundir essas pessoas e certamente nós vamos perder vidas devido à falta de sangue. A doação é uma questão extremamente importante em qualquer país, em qualquer local do mundo. Sem os doadores, não temos como dar prosseguimento ao tratamento de pacientes", afirmou.

Probabilidade

Segundo Mendrone Junior, os jovens tem menor probabilidade da existência de patologias que possam contra-indicar a doação de sangue, como hipertensão arterial, diabetes e cardiopatia. Mas ele também ressalta que a doação de adultos é fundamental.

A OMS afirma que 57 países no mundo já atingiram o nível de 100% de doações voluntárias.

Querem meu Sangue

13.6.10

13 de Junho Dia de Santo Antonio

Dia do Turista

13 de Junho -
Turismólogo
Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para: navegação, pesquisa

Profissional superior super multi-disciplinar (desculpa! para poder dizer e fazer de tudo um pouco e terminar sem fazer nada direito!), que pensa que vai fazer muito turismo quando entra na faculdade e, que dura de 3 a 4 anos de pura teoria e termina preso num sub-emprego numa agência de viagens, ganhando tão pouco que mal pode ir na Praia-Grande num feriadão comer farofa com o povão.
O termo Turismólogo surgiu no início dos anos 70, com o intuito de normartizar uma categoria de profissionais da área de turismo, coisa que até hoje não foi alcançada, uma vez que os grandes empresários não querem deixar de empregar suas amantes e parentes que nunca estudaram lhufas de turismo, e nem precisam.

Eles trabalham mais ou menos na hotelaria, museologia, comunicação, eventos e qualquer outra área que não seja regulamentada ou bem protegida contra profissionais não regulamentados, a salvação da lavoura do turismólogo, são os hotéis, mesmo sabendo que existem os Hoteleiros, eles invadem essa área que já demonstrava enorme potencial de desenvolvimento e absorção de mão-de-obra, onde o principal requisito para contratação é ter um Q.E.(quem empurra) e muitos contatos na área pra se proteger do filhinhos de donos de empresa que não sabem p. nenhuma mas que acham que sabem tudo.
"Viajar é descobrir que todo mundo está errado sobre os outros países."
(Aldous Huxley)

Dicas de Viagem

12.6.10

"Tudo quanto se destina a surtir efeito nos corações, do coração deve sair."
(Johan Wolfgang Von Goethe)


"Todos somos poetas no âmago do coração."
(Ralph Waldo Emerson)


"Só o coração pequeno não cresce; o grande torna-se cada vez maior. Os anos fazem encolher aquele e crescer este. "
(Johann Paul Richter)


"Se as lágrimas são efeito da sensibilidade do coração, infeliz de quem não é capaz de derramá-las."
(Gaspar Melchor de Jovellanos)


"São três as coisas que rejuvenescem o coração: o correr das águas, o reverdecimento da terra e um rosto formoso."
(Maomé)





"Quanto mais puro for um coração, mais perto estará de Deus."
(Mahatma Gandhi)


"Quando amamos, quem julga é o coração. "
(Joseph Joubert)


"Para entender o coração e a mente de uma pessoa, não olhe para o que ela já conseguiu, mas para o que ela aspira."
(Khalil Gibran)


"O resultado final e o objeto da riqueza é produzir o maior número possível de criaturas humanas de pulmões sadios, olhos brilhantes e coração feliz."
(John Ruskin)


"O homem pode ignorar que tem uma religião, como pode também ignorar que tem um coração; mas sem religião e sem coração, não pode viver."
(Leon Tolstoi)


"O esquecimento é a morte de tudo quanto vive no coração."
(Jean Baptiste Alphonse Karr)


"O coração tem razões que a razão desconhece. "
(Blaise Pascal)


"O coração é uma riqueza que não se vende e não se compra. O coração é uma riqueza que se dá."
(Gustave Flaubert)


"O coração do tolo dança-lhe nos lábios."
(Henry George Bohn)


"O coração delicado sofre menos das feridas que recebe do que das que faz."
(Santo Agostinho)


"No coração do homem é que reside o princípio e o fim de tudo."
(Leon Tolstoi)

Gal Costa

Dia dos Namorados

12 de Junho -
História

A história do Dia de São Valentim remonta a um obscuro dia de jejum já tido em homenagem a São Valentim. A associação com o amor romântico chega depois do final da Idade Média, durante o qual o conceito de amor romântico foi formulado.

O bispo Valentim lutou contra as ordens do imperador Cláudio II, que havia proibido o casamento durante as guerras acreditando que os solteiros eram melhores combatentes.

Além de continuar celebrando casamentos, ele se casou secretamente, apesar da proibição do imperador. A prática foi descoberta e Valentim foi preso e condenado à morte. Enquanto estava preso, muitos jovens davam flores e bilhetes dizendo que os jovens ainda acreditavam no amor. Enquanto aguardava na prisão o cumprimento da sua sentença, ele se apaixonou pela filha cega de um carcereiro e, milagrosamente, devolveu-lhe a visão. Antes de partir, Valentim escreveu uma mensagem de adeus para ela, na qual assinava como “Seu Namorado” ou “De seu Valentim”.

Considerado mártir pela Igreja Católica, a data de sua morte - 14 de fevereiro - também marca a véspera de lupercais, festas anuais celebradas na Roma antiga em honra de Juno (deusa da mulher e do matrimônio) e de Pan (deus da natureza). Um dos rituais desse festival era a passeata da fertilidade, em que os sacerdotes caminhavam pela cidade batendo em todas as mulheres com correias de couro de cabra para assegurar a fecundidade.

Outra versão diz que no século XVII, ingleses e franceses passaram a celebrar o Dia de São Valentim como a união do Dia dos Namorados. A data foi adotada um século depois nos Estados Unidos, tornando-se o Valentine's Day. E na Idade Média, dizia-se que o dia 14 de fevereiro era o primeiro dia de acasalamento dos pássaros. Por isso, os namorados da Idade Média usavam esta ocasião para deixar mensagens de amor na soleira da porta da amada.

O dia é hoje muito associado com a troca mútua de recados de amor em forma de objetos simbólicos. Símbolos modernos incluem a silhueta de um coração e a figura de um Cupido com asas. Iniciada no século XIX, a prática de recados manuscritos deu lugar à troca de cartões de felicitação produzidos em massa. Estima-se que, mundo afora, aproximadamente um bilhão de cartões com mensagens românticas são mandados a cada ano, tornando esse dia um dos mais lucrativos do ano. Também se estima que as mulheres comprem aproximadamente 85% de todos os presentes no Brasil.

O dia de São Valentim era até há algumas décadas uma festa comemorada principalmente em países anglo-saxões, mas ao longo do século XX o hábito estendeu-se a muitos outros países.
[editar] Data no Brasil

No Brasil, a data é comemorada no dia 12 de Junho por ser véspera do 13 de Junho, Dia de Santo António, santo português com tradição de casamenteiro, provavelmente devido suas pregações a respeito da importância da união familiar que era combatida pela heresia da época chamada Catarismo. O casamento - em queda na Idade Média - gerava filhos que a seita catara condenava pois para esta o mundo era intrinsecamente mau pois, ao invés de ter sido criado por um Deus bom, teria sido criado por um Deus mau.

A data provavelmente surgiu no comércio paulista quando o publicitário João Dória trouxe a ideia do exterior e a apresentou aos comerciantes e depois foi assumida por todo o comércio brasileiro para reproduzir o mesmo efeito do Dia de São Valentin, equivalente nos paises do hemisfério norte, para incentivar a troca de presentes entre os apaixonados.

Marinha do Brasil

Dia da Marinha Brasileira

No dia 11de junho comemora-se o Dia da Marinha Brasileira, uma das três forças armadas do país. A Marinha exerce um papel de extrema importância para a nação brasileira, uma vez que é responsável pela condução das operações navais em nossas águas. Essa importância é ainda maior se considerarmos o fato do Brasil possuir mais de 8.500 km de fronteira marítima, o que valoriza ainda mais o trabalho e a dedicação destes profissionais a serviço da pátria.

A missão da Marinha, segundo suas próprias palavras, é "Preparar e empregar o Poder Naval, a fim de contribuir para a defesa da Pátria (...)”. O primeiro passo para a criação da Marinha Brasileira foi dado em 1736, por João V de Portugal, que ordenou a fundação da Secretaria de Estado dos Negócios da Marinha. O órgão em si nasceu em 10 de junho de 1999 com sua subordinação ao Ministério da Defesa e a extinção do antigo Ministério da Marinha.

Atualmente, a Marinha Brasileira é a maior marinha da América Latina.

10.6.10

09 de Junho

-Dia de José de Anchieta                                                                   

-Dia do Porteiro
-Dia do Tenista

5.6.10

05 de junho Dia do Meio Ambiente

Dia do Meio Ambiente

No dia 05 de junho comemora-se o dia do meio ambiente.

A criação da data foi em 1972, em virtude de um encontro promovido pela ONU (Organização das Nações Unidas), a fim de tratar assuntos ambientais, que englobam o planeta, mais conhecido como conferência das Nações Unidas.

A conferência reuniu 113 países, além de 250 organizações não governamentais, onde a pauta principal abordava a degradação que o homem tem causado ao meio ambiente e os riscos para sua sobrevivência, onde a diversidade biológica deveria ser preservada acima de qualquer possibilidade.

Nessa reunião, criaram-se vários documentos relacionados às questões ambientais, bem como um plano para traçar as ações da humanidade e dos governantes diante do problema.

A importância da data é devido às discussões que se abrem sobre a poluição do ar, do solo e da água; desmatamento; diminuição da biodiversidade e da água potável ao consumo humano, destruição da camada de ozônio, destruição das espécies vegetais e das florestas, extinção de animais, dentre outros.

A partir de 1974, o Brasil iniciou um trabalho de preservação ambiental, através da secretaria especial do meio ambiente, para levar à população informações acerca das responsabilidades de cada um diante da natureza.

Mas em face da vida moderna, os prejuízos ainda estão maiores. Uma enorme quantidade de lixos é descartada todos os dias, como sacos, copos e garrafas de plástico, latas de alumínio, vidros em geral, papéis e papelões, causando a destruição da natureza e a morte de várias espécies animais.

A política de reaproveitamento do lixo ainda é muito fraca, em várias localidades ainda não há coleta seletiva; o que aumenta a poluição, pois vários tipos de lixos tóxicos, como pilhas e baterias são descartados de qualquer forma, levando a absorção dos mesmos pelo solo e a contaminação dos lençóis subterrâneos de água.

É importante que a população seja conscientizada dos males causados pela poluição do meio ambiente, assim como de políticas que revertam tal situação.

E cada um pode cumprir com o seu papel de cidadão, não jogando lixo nas ruas, usando menos produtos descartáveis e evitando sair de carro todos os dias. Se cada um fizer a sua parte o mundo será transformado e as gerações futuras viverão sem riscos.

Por Jussara de Barros
Graduada em Pedagogia
Equipe Brasil Escola0

Nº 22.433 - "Definitivamente, Temer, não!, por Luís Nassif"

   em ContrapontoPIG    *.* *07/10/2017* *Definitivamente, Temer, não!, por Luís Nassif* *O Jornal de todos Brasis* Do Jornal GGN - ...