31.1.11

Dia Internacional do Mágico

Dom João Bosco o Padroeiro dos Mágicos
No dia 31 de Janeiro, Dia Internacional dos Mágicos, reverenciamos a memória de São João Bosco, o Patrono dos Mágicos.
No dia 31 de janeiro de 1888 faleceu, na Itália, São João Bosco, Patrono Universal dos Mágicos. Dom Bosco nasceu na cidade de Becchi, norte da Itália.
Ele era filho de camponeses pobres da Vila Castelnuovo D´Asti, hoje denominada Castelnuovo Dom Bosco, em sua homenagem.
Muito cedo perdeu seu pai, quando estava com Dois anos de idade e sua mãe, Dona Margarida, conseguiu, com muito sacrifício, lhe dar uma boa educação e uma ótima instrução religiosa.
Aos 20 anos, Dom Bosco entrou para o Seminário e com 26 anos já rezava sua primeira missa.
Daí em diante viveu inteiramente dedicado às crianças e aos jovens, aos órfãos e abandonados que ele com muito amor e dedicação recuperava para a sociedade, tornando-os úteis depois de dar-lhes uma profissão.
Por isso, ele recebeu de um Cardeal Arcebispo a denominação de Orphanorum Pater , Pai dos órfãos.
Em 1845 ele fundou a Congregação Salesiana e a Congregação das Filhas de Maria Auxiliadora.
Em 1877 ele iniciou o Boletim Salesiano, que atualmente é publicado em 29 idiomas, com mais de um milhão e quinhentos mil exemplares de tiragem mensal.
Além de mágico ele era acrobata e malabarista.
Ele utilizava estas habilidades para atrair a atenção das pessoas na porta de sua casa, convidando a todos em seguida para rezarem o terço, seguido de sua alegre pregação.
Dom Bosco foi canonizado em 1934 e em 1988 recebeu do Papa João Paulo II o título de Pai e Mestre da Juventude .
Quando Dom Bosco faleceu, existiam cento e cinqüenta estabelecimentos de caridade, os quais abrigavam mais de trezentas mil pessoas.
As últimas palavras de Dom Bosco foram: Façamos o bem a todos e o mal a ninguém .
Fonte: www.magicoamador.com.br

Crédito: Hryck.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Nº 22.433 - "Definitivamente, Temer, não!, por Luís Nassif"

   em ContrapontoPIG    *.* *07/10/2017* *Definitivamente, Temer, não!, por Luís Nassif* *O Jornal de todos Brasis* Do Jornal GGN - ...