16.6.12

Rio+20: Volkswagen apresenta protótipo de Kombi elétrica


A Kombi da Volkswagen, como nenhum outro veículo, representa o espírito de liberdade. l Imagem: Divulgação/VW
A Volkswagen apresenta o protótipo e-Bulli na Conferência das Nações Unidas sobre Desenvolvimento Sustentável, a Rio+20, que ocorre até o dia 22 de junho. O modelo reinterpreta a forma original compacta da Kombi, mais conhecida pelos alemães como Bulli, remetendo-a ao futuro na forma de um veículo conceitual. O e-Bulli é movido por um motor elétrico e é equipado com seis assentos e controle de recursos de "infotainment" via iPad.
A Kombi da Volkswagen, como nenhum outro veículo, representa o espírito de liberdade. Ela estreou há mais de 60 anos, em 1950, um design extremamente eficiente. Agora, a Volkswagen está reinterpretando a forma original compacta dessa lenda automotiva e remetendo-a ao futuro na forma de um veículo conceitual para um Bulli da nova geração. Ele é espaçoso e tão inspirador como sempre foi, com linhas enxutas como nunca antes.
Emissão zero até 300 km com uma carga da bateria
Graças às tecnologias de acionamento altamente avançadas, o e-Bulli é denominado como um 'veículo de emissão zero', pois é movido por eletricidade. O motor elétrico do e-Bulli produz 85 kW de potência e 27,5 kgfm de torque. Como costuma ocorrer com esse tipo de mecanismo de transmissão, as suas forças máximas são geradas desde o estado imóvel. O motor silencioso é alimentado com energia de uma bateria de íon de lítio com capacidade máxima de armazenagem de 40 kWh. Essa eletrizante combinação possibilita uma autonomia de até 300 km valor alto para um carro elétrico. Quando a bateria do e-Bulli é carregada em uma "estação de reabastecimento elétrico" especialmente projetada para veículos elétricos, o processo de carregamento leva menos de uma hora.
O e-Bulli acelera de 0 a 100 km/h em 11,5 segundos, e a sua velocidade máxima é de 140 km/h (limitada eletronicamente). A sua autonomia e desempenho em movimento não apenas tornam o veículo ideal para curtas distâncias mas também ideal para a maioria das atividades recreativas e de transporte urbano com emissão zero no escapamento.

O conceito também pode incorporar os motores de injeção direta a gasolina e a diesel  extremamente eficientes como mecanismos de acionamento alternativos. Motores com 1,0 ou 1,4 litro de deslocamento são eficientes no uso de combustíveis. Ideal para qualquer pessoa que deseje percorrer grandes distâncias com o mínimo de consumo de combustível.
Fonte - http://www.ciclovivo.com.br

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Projeto Escola sem Partido é arquivado no Senado   *Projeto que visava coibir a liberdade intelectual e de ensino de docentes...