14.8.12

Zé Ramalho - “Sinais dos Tempos”

Rafael Sartori
Redação TDM
Finalmente, depois de anos homenageando e ‘coverizando’ sucessos de Bob Dylan, Jackson do Pandeiro, Beatles entre outros, Zé Ramalho decidiu lançar um álbum de inéditas, marcando também a inauguração de seu próprio selo, o Avôhai Music. “Sinais dos Tempos” chega com 12 faixas e conta com a participação de Robertinho do Recife na produção.

Embora o título e a capa evoquem o misticismo e façam de Zé Ramalho uma espécie de messias e profeta paraibano, o repertório - ainda que faça alusões ao tema - não tem maiores pretensões e se revela como uma continuação natural na obra do artista.

A maturidade, a segurança, a total liberdade de criação e o fato de assinar composições sozinho fazem com que Zé Ramalho se mostre bastante relaxado nesse disco. Afinal, ele está em território conhecido e no controle da situação. Tudo aqui é do seu jeito.

O violão dá a tônica do trabalho, mas a sonoridade é bastante variada e passa por momentos blues (“Indo Com o Tempo”), regionais (“Um Pouco do que Queira”), lisérgicos (“Olhar Alquimista”) e agitados (“Noite Branca”).

“Sinais dos Tempos” mostra que Zé Ramalho ainda está em boa forma. É um disco que vai agradar os que cobravam material novo do artista e silenciar os que o acusavam falta de criatividade ao se apoiar nos recentes álbuns de versões.
Fonte:http://www.territoriodamusica.com

Confira o videoclipe da faixa “Sinais”:

Nenhum comentário:

Postar um comentário